Como o cerco da PGR à Lava Jato beneficia petistas e tucanos

A guerra aberta pela Procuradoria-Geral da República contra a Lava Jato tem como principal alvo a “matriz” de Curitiba, mas o desmonte das forças-tarefas dedicadas a combater o maior esquema de corrupção já descoberto no país deve produzir um impacto ainda pior na “filial” de São Paulo, onde os inquéritos envolvem, principalmente, os esquemas do PT e do PSDB.
A maior ameaça às investigações está na extinção da dedicação exclusiva dos procuradores que…